Diário de um wrestler - O caminho para a prova de fogo


Por semanas eu ouvi falar da prova de fogo, ouvi falar de como o evento seria sensacional, ouvir falar tanto sobre o que aconteceria na Vila Maria, os rookies buscando sua independência no dia da independência, chega a ser engraçado tudo isso, mas não só engraçado, nós alunos da BWF sentimos tantas coisas durante aquele evento, mas vamos do início. Eu vi caras como o Kyan e o Raio Negro aprendendo uma sequência incrível em apenas 15 minutos, vi caras como Toko e Skinner dando tudo de si nos treinos pra desempenhar um combate memorável, posso virar muitos outros exemplos como Adam Black e Peterbull e até mesmo caras que não iam participar do evento mas que mesmo assim estavam fazendo coisas incríveis no treino, um estava inspirando o outro nessas semanas. Mas aí chegou o grande dia, o tal esperado dia 21, eu e os outros alunos ficamos todos impressionados, mas não só isso, ficamos inspirados, pois estávamos vendo nossos colegas, nossos companheiros de treino, estávamos vendo pessoas que brincam com a gente, pessoas que convivem com a gente, isso foi muito inspirados para nós, isso nos fez ter consciência de algumas coisas que talvez alguns não tinham antes, estou longe de estar pronto, mas tenham certeza, desde quinta muita coisa mudou e eu e muitos outros daremos mais do que podemos pra crescer dentro da BWF. Obrigado pelo show galera, todos vocês são uma inspiração!!!

47 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo